Tudo o que você precisa saber para ser um expert em chocolateria

Uma das grandes delicias da humanidade é sem dúvida alguma o chocolate, com suas variadas apresentações cativam o paladar de quase todo mundo. Mas manusear o produto para obter um resultado de primeira qualidade quanto ao sabor, cor, brilho e textura e uma tarefa muito complexa.

Se você deseja cursar sobre chocolateria a seguir temos alguns conselhos que devem ser levados em consideração para que assim se torne um expert nessa doce arte.

Para o chocolate devemos ter o máximo de cuidado desde o momento em que o compramos, também no momento de guarda-lo, pois deve ser colocado longe de outros insumos que possam alterar a integridade original do produto. Além disso, é importante evitar a geladeira para conservar o chocolate, pois ocorre a transferência de cheiro e sabores de outros produtos devido ao ambiente húmido que existe.

Conservar o produto num lugar fresco e escuro já é suficiente para garantir uma maior pureza de conservação, entre 13°C e 15°C, já está suficiente.

Antes de iniciar o trabalho com o chocolate, é importante atentar para a humidade existente sobre o produto, se iniciamos a variar com a temperatura da humidade, poderíamos resultar então numa textura pastosa e com uma consistência sedosa que é a ideal. Para evitar a temperatura inadequada o chocolate deve estar exposto a temperatura ambiente, se adequando assim ao ambiente onde o mesmo será trabalhado.

O processo de Temperar

O primeiro que deve ser levado em consideração para o processo de temperar o chocolate é: ter um termômetro a mão, se você não é um expert em chocolates, provavelmente não saberá a temperatura ideal para a qual você deva deixar o produto. Depois deverá ser determinado o tipo a ser utilizado, porque cada um tem uma temperatura diferente para ser difundido e temperado.

Tipo de Chocolate

Fundido Temperado

Branco

45°C

29°C

Ao Leite

45°C

                  30°C
Negro 45°C – 50°C

32°C

O temperado do chocolate é fundamental para lograr o melhor dos resultados no produto final, também você deve determinar para que será utilizado porque existem consistências diferentes para cada uso. Para as coberturas mas densas por exemplo é necessário um chocolate mais viscoso, mas para as coberturas finas e delicadas um chocolate más fluido é o ideal e para lograr tudo isso se acrescenta a manteiga de cacau, matéria prima que não altera o sabor, mas sim a sua textura.

Formas de Templar o Chocolate

Existem três técnicas básicas para o templar do chocolate, a primeira é a tradicional e ancestral sobre o mármore onde  é derramada a terceira parte do chocolate a 45 °C ( derretido em banho maria) e se espalha pela superfície com o uso de uma espátula até chegar aos 29°C.

A segunda técnica é a do microondas, onde por meio de intervalos de 15 segundos são dados tempos de calor e remexendo as pequenas peças do chocolate picado até chegar ao ponto de derretido uniformemente; é indispensável remover entre cada tempo de calor o contrário de chocolate da superfície para que nada se queime.

Finalmente a terceira é utilizar o chocolate temperado que devido a sua composição está predisposto a ser um produto ideal pelo jeito fácil da união dos cristais livres da manteiga com os cristais temperados.

Conselhos Extras

Não temas o Chocolate: Claro que deve se ter o cuidado com a manipulação e estar sempre atento ao processo, mas se algo sai errado deve se voltar ao início, porque o processo pode ser repetido tantas vezes e quantas forem necessárias.

Importância dos utensílios: A parte de ter um bom chocolate, a limpeza dos instrumentos é primordial para que se tenham excelentes resultados, devem estar sempre limpos e secos, também ter recipientes resistentes a altas temperaturas e muita paciência.

Termômetro: É importante, ainda mais se não houver sequer o conhecimento sobre temperatura, é muito melhor confiar em um artefato que possa te dar essa segurança.

Brilho e Textura: Se você deseja um chocolate bastante brilhante deve então escolher um que tenha um alto índice de gordura ou acrescentar extra para que assim seja.

Com todos esses tipos é a hora de colocar as mãos na massa e iniciar o trabalho com o chocolate para preparar pratos deliciosos.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*