Mise en place, a arte de organizar a cozinha

Constantemente as pessoas dizem que para otimizar o trabalho devemos manter tudo em ordem, pois ajuda a realizar as tarefas de forma sistemática, aumentando assim a efetividade da produção. Ao levar esse conceito para a cozinha não se trata apenas uma ideia, mas de uma necessidade.

É assim que nasce o “Mise en place”, termo francês que significa “pôr em ordem”. Quando cozinhamos é indispensável que se mantenha a ordem dos ingredientes, ainda mais se eles precisam de refrigeração, pois devem ser preparados antecipadamente. Também é preciso que todos os ingredientes e utensílios a serem utilizados estejam acessíveis no momento de começar a cozinhar.

O primeiro procedimento a ser feito para que este processo torne-se realmente eficaz é, revisar a receita, contar a quantidade de frigideiras, colheres, termômetros, paletas, pincéis e recipientes necessários para a preparação da receita, ou seja, durante o passo a passo.

Se a receita é de um doce, é necessário que todos os ingredientes estejam medidos e separados, por exemplo, se são 100 gramas de farinha, 2 ovos, 50 gramas de açúcar… É importante que tudo esteja devidamente medido e reservado dentro de um recipiente, de maneira que ao iniciar a preparação tudo seja feito no seu devido tempo.

Essa é uma técnica que se iniciou por Auguste Escoffier nas cozinhas profissionais, mas também é muito útil se aplicada às cozinhas domésticas, pois você poderá ver como se economiza tempo entre uma atividade e outra na preparação do prato. Por isso agora, antes de fazer a sua comida, lembre-se de primeiro preparar o seu “Mise en place”.

 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*